Vale do RosmaninhoVale do Rosmaninho

Projectos de Jovem Agricultor – Informações de Interesse

Muitos são os contactos que me vão fazendo por este país fora… desde Norte a Sul, recebo todas as semanas chamadas de colegas apicultores “jovens apicultores”, que têm em curso projectos de jovem agricultor…

Confesso que alguns destes contactos me assustam, pois são pessoas que ainda têm pouca ou nenhuma experiência em apicultura e já pensam em adquirir 100 enxames… só para começar…
Tento fazer algum aconselhamento, pois como elaboro candidaturas, acompanho várias, inclusivamente uma delas é minha e sei das dificuldades e dúvidas que nos surgem a todos.
Temos de respeitar o plano de investimento?
Tenho de comprar o número total de enxames a que me propus no projecto?
Este ano não vou produzir o mel e pólen que é suposto, o que faço?
Tenho de manter as colmeias nos locais do projecto (parcelários)?
Comprei enxames mais baratos do que o valor do projecto, tenho de devolver dinheiro? Uma vez que o valor do prémio também foi calculado com essa base?
Etc,
Etc,
Etc,
São inúmeras as questões que surgem… onde nada melhor, será enviar um email directamente para o proder a pedir esclarecimentos, ficando com uma prova por escrito!
Contudo seguem alguns esclarecimentos:
Uma vez que a apicultura é uma actividade agrícola, o risco de incumprimento do plano empresarial é elevado, veja-se o ano passado onde as produções de mel foram muito baixas…
Nestes casos devemos escrever um oficio, dirigido ao Director regional de Agricultura (DRA) a informar o motivo do incumprimento, salvaguardando assim quaisquer problemas…
Outra das dúvidas, surge com o facto de se pensar, que caso não se adquira a totalidade dos enxames temos de devolver dinheiro do prémio. Uma vez que não existem enxames no mercado, ou estão muito caros, devemos escrever um oficio ao DRA a informar desta situação, solicitando autorização para fazer desdobramentos das colonias existentes, a fim de aumentar os efetivos e poder vir a cumprir os objectivos do projecto. Aqui devemos referir que, uma vez que vamos fazer desdobramentos, não será possivel cumprir o plano empresarial (produções previstas).
Desta forma ficamos salvaguardados…
Ao nivel do valor dos enxames a mesma coisa… se no projecto o valor dos enxames é de 65 euros e os comprarmos a 40 euros, segundo informação do proder, não somos obrigados a devolver dinheiro…
Outro dos problemas surge com os locais de instalação dos apiários… pois muitos pensam que somos obrigados a manter as colmeias nos locais do parcelário… nada disso… desde que registemos a colmeias como transumantes, tenhamos a guia de deslocação de colmeias, do apiário do projecto para o novo, registo dos apiários novos e uma simples declaração do proprietário a conceder-nos autorização à instalação de colmeias, podemos ter as nossas colmeias noutros locais com melhor potencial apícola.
 
Para finalizar, quem ainda não tem muita experiência, evitem comprar muitas colmeias logo de inicio, pois com toda a certeza que irão morrer algumas, ter prejuízo, e depois a culpa “ainda por cima” é deitada a quem os vendeu… argumentando que os enxames não eram bons… Evitem estas situações desagradáveis!
 
É preferivel comprar 20 ou 30, “brincar com elas”, entretanto fazer algumas formações básicas, visitar colegas apicultores profissionais e ver como trabalham (esta solução é melhor do que qq tipo de formação, mas obviamente que não a substituiu) e assim sucessivamente ir crescendo… nem que no final tenhamos que pedir prorrogação do prazo…
 
No caso de saberem que vão comprar os enxames já tarde (após a primavera), tentem a todo o custo procurar locais de castanheiro, urze ou eucalipto de forma a conseguirem manter melhor as colónias e até mesmo vê-las fazer o ninho e puchar uma meia alça… pois no caso do Rosmaninho, mantê-las até ao ano seguinte não é fácil… levando mais fácilmente à morte de algumas colónias fracas…
 
Este é um tema, onde se pode gastar muita tinta a escrever… mas espero ter contribuido com alguma informação útil.
 
Cumprimentos,
 
João Tomé
…um apicultor, pela apicultura….
  • Anónimo
    Anónimo
    28.02.2013

    Mas pelo que me informaram, no ano de 2013, por ser o ultimo do QREN temos de ter todas as despesas até 15Julho. Verdade?
    Como registar as colméias como transumantes? Faz-se aquando da declaracao de existencias?

    Obrigado,
    Abelhasdoagreste

  • Bruno Cartaxo
    Bruno Cartaxo
    28.02.2013

    Boa Noite João,
    Também estou com o meu projecto em fase de análise… Entretanto tenho tido, como quase todas as pessoas com quem falo acerca deste tema, algumas dúvidas em relação à forma como será elaborado o meu plano de implementação do projecto. Tendo eu neste momento 22 Enxames e tendo anexado um orçamento para a compra de mais 100 enxames, sei que consigo no prazo de pelo menos 2 anos chegar às 300 colmeias propostas. Agora a minha maior dúvida surgiu hoje ao saber que as candidaturas ao proder estão suspensas… Será que vamos ter tempo suficiente para implementar totalmente o projecto.. que vai haver dinheiro para financiar… Não me parece..
    Vamos aguardar e ver o que vai dar.
    Cumprimentos,
    Bruno Cartaxo

  • Rosmaninho
    Rosmaninho
    28.02.2013

    Peço desculpa pela demora na resposta aos comentários.
    Quanto às despesas até 15 de Julho, não é verdade, pelo menos nas candidaturas do Proder. O que manda é o contrato que é assinado. Temos 6 meses para iniciar os investimentos e 24 para os terminar.
    Para registar as colmeias como transumantes basta fazer alteração à declaração anual de existências. Não é necessário esperarmos pelo mês de Junho, pois em qualquer altura se pode fazer alteração.

  • Rosmaninho
    Rosmaninho
    28.02.2013

    Olá Bruno,
    Só não existe financiamento para os projectos que foram submetidos depois das 19 horas do dia 19 de Fevereiro.
    Todos os que estão para análise, em aprovação ou aprovados estão dentro da dotação orçamental.
    Seria um escândalo não haver dinheiro! Até porque seria o próprio estado a entrar em incumprimento… pois não respeitaria o contrato, que implica esse subsidio ao investimento e exploração.

    Abraço

  • Anónimo
    Anónimo
    18.07.2013

    ola boa noite venho por este meio me informar se ainda é possivel fazer projecto apicula para 100 colmeias e seus utencilios, pois ja trabalho com as abelhas alguns anos mas so como obi e gostava ir mais longe, agradecia muito pela resposta se possivel com os melhores cumprimentos obrigado

Comments are closed.

 
footer9b